GO: Homens são presos suspeitos de matar cavalos para vender a carne

0
635
Grupo é preso suspeito de matar cavalos para vender carne para humanos em Aparecida (GO) (Foto: Divulgação - PM)

A Polícia Militar (PM) prendeu na madrugada desta quinta-feira (14) um grupo de quatro homens, de 16, 20, 44 e 62 anos, suspeito de matar dois cavalos de forma clandestina em Aparecida de Goiânia. Segundo os próprios autores, o objetivo era comercializar os quase 100 kg de carne para consumo humano.

De acordo com os policiais, a equipe recebeu informação de que uma residência no Setor Veiga Jardim estaria sendo utilizada para abate irregular de equinos. Sendo assim, equipes do Batalhão Rural se deslocaram para a região e conseguiram abordar o veículo saindo da casa indicada.

Dentro do carro, os militares encontraram aproximadamente 100 kg de carne de cavalo. Durante entrevista policial, os abordados assumiram que tinham realizado o abate de dois animais e enterrado as carcaças no quintal daquela residência.

Ainda de acordo com os próprios suspeitos, a carne seria comercializada e destinada ao consumo humano.

Agentes da Vigilância Sanitária de Aparecida de Goiânia estiveram no local e atestaram se tratar de carne imprópria para consumo humano. Sendo assim, promoveram o descarte adequado no aterro sanitário.

Posteriormente, todos os homens do grupo foram conduzidos à Central de Flagrantes de Aparecida de Goiânia, onde foram autuados pelo crime contra as relações de consumo. De acordo com o capitão da PM, Clayton Martins de Paula, nenhum dos quatro suspeitos possui antecedentes criminais.

Deixe seu comentário