GO: Pai é preso após presentear filho de 15 anos com cigarro eletrônico e menino levar dispositivo para escola, diz delegado

0
118
Pai é preso após filho levar cigarro eletrônico para escola de Firminópolis, Goiás — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem foi preso, em Firminópolis, na região central de Goiás, após seu filho levar cigarro eletrônico para uma escola da cidade. De acordo com a Polícia Civil, o homem admitiu ter comprado o objeto para o adolescente de 15 anos, mas afirmou não saber que era crime. Ele pagou fiança com o valor de um salário mínimo e vai responder o processo em liberdade.

Como a identidade do pai não foi divulgada, o portal não conseguiu um posicionamento sobre o caso até a última atualização desta reportagem. Além disso, o portal também solicitou à Secretaria Estadual de Educação (Seduc) um parecer sobre a situação, mas também não obteve retorno até a última atualização deste texto.

O caso aconteceu na última quarta-feira (8). De acordo com o delegado responsável. Tiago Junqueira, quem viu o adolescente com o cigarro eletrônico no local foi uma professora, que acionou o conselho tutelar.

O rapaz disse que o pai deu o objeto de presente e que já usava há algum tempo“, explicou.

À polícia, o pai do adolescente admitiu ter pago o cigarro eletrônico e o dado de presente ao filho.

Ele confessou, mas disse que não sabia que era crime“, complementou o delegado.

Após ser preso, o homem pagou fiança de um salário mínimo e vai responder ao processo em liberdade.

Ele deve responder pelo crime de “vender, fornecer, servir, ministrar ou entregar, ainda que gratuitamente, de qualquer forma, a criança ou a adolescente, bebida alcoólica ou, sem justa causa, outros produtos cujos componentes possam causar dependência”, previsto pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e pode pegar de 2 a 4 anos de pena.

 

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 30 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.