GO: Homem morre após ser atingido por tiro acidental disparado por amigo durante caça a javalis

0
1079
Thiago Batista de Souza Vieira tinha 31 anos e morava em Jataí — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um homem morreu após sofrer um tiro acidental disparado por um amigo durante uma caça a javalis em uma fazenda a cerca de 20km de Serranópolis, na região sudoeste de Goiás.

Thiago Batista de Souza Vieira tinha 31 anos e morava em Jataí. O acidente aconteceu no último domingo (7), em uma propriedade às margens da G0-306. A Polícia Civil investiga o caso.

O portal entrou em contato com o advogado do suspeito, que informou que ele deve se apresentar à Polícia Civil nesta terça-feira (9). O defensor reafirmou a tese de tiro acidental, e disse que seu cliente ainda está muito abalado com a situação.

Segundo testemunhas contaram à polícia, um dos homens, de 38 anos, foi manobrar a arma e durante a manobra atirou acidentalmente contra Thiago e atingiu as duas pernas dele. O suposto autor do disparo foi procurar ajuda em uma sede de uma fazenda próxima, mas quando a ajuda chegou, a vítima já estava sem vida.

Conforme relato de uma testemunha à Polícia Militar, após a morte de Thiago, o suposto autor do disparo ficou desesperado e fugiu do local.

A Polícia Civil e a Polícia Técnico-Científica foram acionadas para os procedimentos legais. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jataí. Além disso, uma arma foi apreendida.

O caso segue em investigação. Segundo a Polícia Civil, foi registrado como homicídio culposo, que é quando não há intenção de matar.

 

Deixe seu comentário