GO: Genro é preso suspeito de tentar matar idoso envenenado para ficar com herança dele

0
526
Genro é preso suspeito de tentar matar o sogro duas vezes, em Itaberaí

Um homem de 40 anos foi preso suspeito de tentar matar o sogro duas vezes para ficar com a herança dele, em Itaberaí, no centro de Goiás.

De acordo com a Polícia Civil, Wene Divino da Silva simulou um roubo e tentou envenenar o jantar do idoso de 73 anos.

A prisão do suspeito aconteceu na quinta-feira (24). As investigações apontaram que a primeira tentativa de homicídio aconteceu no dia 13 de março. Na ocasião, o genro colocou uma substância tóxica na água do bebedouro e na comida do sogro, Nivaldo Vitorino de Oliveira.

O senhor Nivaldo disse que, ao beber a água, já sentiu o gosto forte e cuspiu. Ele foi dormir, mas acordou durante a madrugada com a presença de Wene na casa“, contou o delegado Kleber Toledo.

O delegado ainda disse que a segunda tentativa aconteceu quando o genro voltou à fazenda durante à noite, forjou um assalto, agrediu o sogro com uma enxada e o roubou. O idoso foi socorrido pela filha, que não sabia que o marido estava envolvido no crime. Ele foi levado para o hospital, recebeu atendimento médico e foi liberado.

Com a finalidade de desvirtuar o que havia ocorrido, ele subtraiu uma quantia em dinheiro que estava dentro da carteira da vítima. Ele levou R$ 700. Ele está recolhido na unidade prisional”, explicou o delegado Kleber Toledo.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, Wene confessou que tentou envenenar e que forjou o assalto contra o sogro para para ficar com a herança da esposa para pagar dívidas. Ele deve responder pelos crimes de tentativa de homicídio qualificado, emprego de veneno, emprego de meio cruel e furto.

Atenção: A divulgação da imagem e nome do indiciado se deu nos termos da Lei n° 13.869/2019 em razão do interesse público, conforme despacho do delegado responsável pela investigação.

 

Deixe seu comentário