Em queda, ocupação de leitos de UTI em Goiás chega a 81,63% nesta segunda (12)

0
189
Apresentando pequena redução, a ocupação de leitos de Unidade Terapia Intensiva (UTI) em Goiás é de 81,63%, nesta segunda-feira (12). (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)

Apresentando pequena taxa de redução, a ocupação de leitos de Unidade Terapia Intensiva (UTI) em Goiás é de 81,63%, nesta segunda-feira (12). A porcentagem leva em consideração tanto a rede pública quanto a privada, assim como leitos específicos para o tratamento da Covid-19. Em Goiânia, este índice é de 88,44%. Já a ocupação nas enfermarias é de 58,% 69 no estado e 70,75% na capital. Os dados são da Secretaria da Saúde (SES-GO).

Conforme informações do painel eletrônico disponibilizado pela pasta estadual, na rede pública de Goiás, a taxa de ocupação ainda permanece acima dos 90%, com 96,05% para UTIs e 71,92% para enfermarias. Nos leitos privados em todo o estado, o índice é de 92,50% de ocupação em unidades de terapia intensiva e 65,98% nas enfermarias.

Já em Goiânia, 90,67% das UTIs e 87,34% das enfermarias da rede pública estão ocupadas. Na rede privada, a taxa de ocupação é de 90,32% para UTIs e 69,71% para enfermarias.

As taxas de ocupação têm apresentado leve queda nos últimos dias. Os índices já chegaram a ultrapassar 100% em Goiás na primeira quinzena de março, mês considerado como o pior período da Covid-19 desde o início da pandemia no estado.

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.