GOIÁS: Atraso nos repasses do Estado deixa 95% dos municípios em crise

0
473

Dos 246 municípios goianos, 230 passam por uma grande crise financeira graças aos atrasos nos repasses do Governo do Estado, atraso nos salários de funcionários públicos são um exemplo dos problemas causados pela demora no repasse de verbas importantes.

Os dados são do último levantamento da Confederação Nacional dos Municípios, que mostrou um cenário de absoluta tristeza no interior de Goiás. As áreas que mais sofrem com a falta de dinheiro são Saúde e Transporte. Exatamente as que estão com a maior dívida do governador Marconi Perillo (PSDB).

Existem cidades que não recebem o repasse da verba do Estado há quase dois anos. Enquanto a conta da gestão tucana cresce, os goianos pagam o pato. Por outro lado, o fato é muito pouco divulgado a população. Isso porque, em Goiás a maior parte da mídia finge que não vê os descasos do Governo Estadual.

Enquanto os municípios sofrem e muitos já declararam estado de calamidade financeira, o Governo Estadual coloca a culpa na crise atual do país, no entanto mesmo sabendo das dificuldades financeiras que iriam chegar não cortaram gastos considerados desnecessários e agora quem paga a conta são as cidades goianas.

Vale lembrar que o governador Marconi Perillo criou na última quarta-feira (13), 60 novos cargos de chefia na administração pública do governo estadual. Ignorante a precária situação financeira o Governo de de Goiás continua criando cargos para aumentar a folha salarial, afinal quem paga a conta é a população.

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 30 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.