Homem que matou enteada esfaqueada e feriu a ex-mulher e os dois filhos é morto ao tentar atacar policias com faca, diz polícia

0
1132

O homem suspeito de matar a enteada de 12 anos esfaqueada foi morto neste domingo (18), em Barro Alto, na região central de Goiás

De acordo com o delegado Marco Antônio Maia, policiais militares informaram que o homem foi alvejado ao tentar atacar policiais com uma faca. Segundo a polícia, além de matar a adolescente, Natan Dias também esfaqueou a ex-mulher e duas crianças, que são filhos deles.

Segundo a polícia, o homem chegou a ser socorrido e levado ao hospital municipal de Barro Alto, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com a polícia, o homem havia invadido uma casa na zona rural de Barro Alto durante a madrugada, que se localizava a cerca de 2 km do local de onde ocorreu o crime. Nessa casa, Natan teria pego a faca usada na tentativa de atacar os políciais, que não é a mesma utilizada no crime contra a enteada dele. O delegado ainda informou que os policiais que estavam presentes durante a ocorrência devem ser ouvidos.

Crime:

O caso aconteceu na noite da última sexta-feira (16), no distrito de Souzalândia, em Barro Alto, no norte de Goiás.

De acordo com o boletim de ocorrência, o suspeito e a mãe da vítima se relacionaram por cerca de dez anos, mas se separaram após ele ser tornar suspeito de ter estuprado a adolescente que morreu esfaqueada na sexta-feira. No entanto, as investigações sobre o caso ainda não foram concluídas.

Ao descobrir que a mulher estava em um outro relacionamento, Natan invadiu a casa onde ela mora com os filhos e começou a desferir facadas contra eles. Gabrielly Cardoso, de 12 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu. Já Dheila Cardoso Dias e as duas crianças foram encaminhadas ao hospital.

Os três feridos estão internados no Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano, em Uruaçu. 

O portal entrou em contato com a unidade para obter o estado de saúde deles atualizado e aguarda retorno.

Deixe seu comentário