Polícia Civil prende homem suspeito de abusar de mais de 50 mulheres em Goiás e três estados

0
442
Célio Roberto Rodrigues, que também usava o nome falso Herley Nascimento Santos, tem 41 anos e é suspeito de abusar de mais de 50 mulheres de quatro estados (Foto: Polícia Civil)

A Polícia Civil de Goiás prendeu um homem de 41 anos suspeito de praticar abuso sexual contra mais de 50 mulheres em Goiás, Mato Grosso, Rondônia e Amazonas. Os crimes aconteceram entre 2012 e 2015.

A prisão foi efetuada na semana passada, mas o caso foi divulgado nesta quinta-feira (26). A identificação do suspeito foi possível graças ao cruzamento de perfis genéticos.

Segundo a polícia, Célio Roberto Rodrigues, que também usava o nome falso Herley Nascimento Santos, mudava-se de cidade com frequência e tinha o mesmo modo de agir em todos os casos. Ele se aproximava das vítimas com uma motocicleta ou um carro, chamava a atenção delas para pedir informações e as abordava com uma faca ou uma arma de fogo. Em seguida, praticava o abuso.

A maioria dos crimes eram cometidos no período da manhã e, em alguns deles, Célio roubava pertences das vítimas após violentá-las.

O homem foi preso outras três vezes pela prática do mesmo crime. A penúltima prisão foi em 2015, quando ele foi apontado como estuprador em série nos municípios de Rondônia.

Quando os dados genéticos de Célio foram enviados para o Banco Nacional, apurou-se que havia compatibilidade com o perfil do suspeito de abusar de duas mulheres em Goiânia e de quatro, no Mato Grosso, além de outros municípios de outros dois estados. O laboratório de DNA do Mato Grosso, juntamente com os laboratórios dos demais estados onde o suspeito praticou os crimes, contabilizaram mais de 50 vítimas com dados genéticos compatíveis.

O homem foi detido pelo Grupo Estadual de Repressão a Estupros (Gere) e permanece preso.

 

Deixe seu comentário