WhatsApp bloqueado para redes moveis e cabeadas

0
392
SAN FRANCISCO, CA - FEBRUARY 19: Facebook and WhatsApp logos are displayed on portable electronic devices on February 19, 2014 in San Francisco City. Facebook Inc. announced that it will purchase smartphone-messaging app company WhatsApp Inc. for $19 billion in cash and stock. (Photo Illustration by Justin Sullivan/Getty Images)

O bloqueio do WhatsApp afeta também os usuários que estavam conectados por meio da rede Wi-Fi. Inicialmente, a informação que se tinha era de que as operadoras de telefonia celular iriam suspender a troca de mensagens nas redes 3G e 4G. No entanto, operadoras de banda larga – responsáveis pelo Wi-Fi – também deixaram o WhatsApp offline a partir da meia-noite.

A determinação judicial sobre o bloqueio do WhatsApp tornou-se conhecida nesta quarta-feira (16). A intimação cita a Vivo, TIM, Claro e Oi – as maiores operadoras nacionais –, além da Sercomtel e Algar Telecom. Havia o entendimento de que estas empresas suspenderiam o uso aplicativo pelo prazo de 48 horas somente nas redes de telefonia celular, com o Wi-Fi preservado.

Por que o Wi-Fi saiu do ar?

As mesmas empresas são donas da banda larga utilizada pela maioria dos brasileiros. Por exemplo, a Vivo detém o Speedy; a Oi tem Oi Velox; a TIM oferece o Live TIM. Com isso, o relato de internautas confirma que as operadoras cumprem a decisão judicial em todas as frentes: na rede celular e na rede cabeada, de onde vem o sinal para o Wi-Fi.

Também nas redes sociais, assinantes da NET e da GVT questionam o motivo de o WhatsApp ter saído do ar. Embora as empresas não tenham se manifestado sobre o tema, é sabido que a NET é uma empresa da America Móvil (assim como a Claro, citada na intimação) e a GVT faz parte do grupo econômico da Vivo (também citada no documento).

WhatsApp funcionando na VPN

Para contornar a situação, alguns internautas recorreram a duas tecnologias conhecidas de quem trabalha com redes: VPN e proxy. O VPN funciona como um túnel privativo dentro da rede mundial. Ao utilizar um VPN baseado nos Estados Unidos, por exemplo, o usuário passa a ver as páginas como se estivesse em território norte-americano, o que possibilita também o acesso ao WhatsApp.

Basta baixar o programa SUPERVPN e alterar sua localização/país que seu whatsapp volta funcionar normalmente, o programa foi testado pela nossa equipe, 100% confiável.

Fundador do WhatsApp lamenta

Depois de uma tarde e noite de silêncio, o WhatsApp se manifestou sobre o assunto. Seu criador, Jan Koum, afirmou que está desapontado” com a decisão de bloquear o app, “uma ferramenta de comunicação que tantos brasileiros passaram a depender, e triste por ver o Brasil se isolar do restante do mundo”.

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 30 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.