Operação da PRF no feriado registra nenhuma vítima fatal nas rodovias federais em Goiás

0
15

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou um balanço da Operação Nossa Senhora de Aparecida, que intensificou a fiscalização nas rodovias federais no estado durante o feriado. De acordo com a corporação, não houveram acidentes com vítimas fatais nos quatro dias de operação (entre 9 e 12 de outubro), mas 1.886 condutores foram autuados em atitudes perigosas.

No total, foram realizadas 5.778 fiscalizações a veículos e a 4.710 pessoas. A ocorrência mais recorrente foi a de ultrapassagens proibidas/indevidas, com 243 autuações. Em seguida veio a falta de cinto de segurança (186).

A PRF registrou também 50 casos em que motoristas dirigiam enquanto falavam no celular. Outra ocorrência recorrente foi a falta de uso de cadeirinha para crianças (22).

Ainda de acordo com a corporação, foram realizados 273 testes de embriaguez. A ação resultou em 35 autos de infração. Além disso, três condutores foram detidos por embriaguez ao volante, o que configura crime de trânsito.

Em todo o país, 10 mil policiais participaram da operação. O trabalho resultou na fiscalização de mais de 130 mil pessoas e 135,9 mil veículos. Foram realizados 6,2 mil testes do etilômetro, o que resultou na autuação de 783 condutores. Outra ocorrência com número elevado foi o não uso do cinto de segurança, que resultou em 4,8 mil autuações.

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.