Ronaldo Caiado rompe com Bolsonaro e diz que decisões não atingirão Goiás

0
7

Um dos principais aliados do presidente Jair Bolsonaro, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), disse na manhã desta quarta-feira (25/03) que as decisões do presidente a respeito da área de Saúde não serão seguidas em seu estado.

“Quero deixar claro com muita tranquilidade, mas com autoridade de governador e o juramento de médico que as decisões do presidente da República na área de Saúde não alcançarão o estado de Goiás”, disse Ronaldo Caiado em entrevista coletiva em Goiânia, apontando para um rompimento com o presidente da República.

“As decisões de Goiás serão tomadas por mim e decisões da OMS e povo técnico do Ministério da Saúde”, completou o governador.

Caiado, mais uma vez, reagiu à orientação de Bolsonaro, objeto de conversa com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, de pedir às pessoas que saiam de suas casas e voltem ao trabalho normalmente, apesar da pandemia do coronavírus.

 

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.