Prefeitura de Itapaci através da SEMMAT promove audiência pública sobre o uso da energia solar fotovoltaica

0
27

A crise energética que assola o Brasil – marcada pela crise hídrica, sérios problemas de distribuição de energia, preços altos – impacta, diretamente, a sustentabilidade dos negócios e a economia do país, e também a dos estados, causando preocupações, assim como a urgente demanda por soluções e tomadas de decisões, que envolvem todo setor empresarial e a população em geral.

Neste contexto, a Prefeitura Municipal de Itapaci, através da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo (SEMMAT), promoveu na noite desta terça-feira (19/11) na Câmara de Vereadores de Itapaci, uma audiência pública sobre o tema “POLÍTICA PÚBLICA DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL: A ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA COMO ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL”. A audiência pública contou com a palestra de Danúsia Arantes Ferreira vasta conhecedora do tema e reconhecida em todo o brasil.

O objetivo do evento, que foi aberto ao público em geral, foi fomentar o debate e a troca produtiva de ideias e, sobretudo, a união em prol desse tema de alta relevância. Dentre os assuntos que foram abordados no evento, a importância da geração distribuída de energia (GD) e as vantagens e oportunidades da energia solar fotovoltaica para a população em geral e para o setor empresarial em Itapaci e Goiás.

Fazendo um belo trabalho a frente da SEMMAT, o secretário Vilmar José dos Santos, ressalta a importância da discussão sobre energias renováveis, oportunizada pela audiência pública, especificamente sobre a energia solar fotovoltaica. Para ele, os problemas de distribuição de energia enfrentados em Goiás preocupam, porque tem sido fator impeditivo do crescimento dos negócios no estado, com consequente estagnação da economia e da geração de postos de trabalho. 

”O uso de políticas públicas a fim de aperfeiçoar a produção e a distribuição de tecnologia promove a redução de custos. Em consequência dessas políticas surge um ambiente institucional propício, que exerce importante papel na efetivação da inovação”, destacou Vilmar.

De acordo com a palestrante Danúsia Arantes Ferreira, no Brasil e em Goiás, a geração e o consumo desta fonte renovável de energia tem aumentado muito, principalmente pela abertura das linhas de financiamento ampliadas para o incentivo da fonte solar, a redução dos investimentos para a aquisição e implantação das usinas de geração, assim como o esclarecimento da população de um modo geral para o benefício que lhe é direcionado por meio da Resolução 482 sobre a geração distribuída GD com geração até 5MW. Goiás é apontado como um estado com grande potencial de expansão do uso da energia solar fotovoltaica, por possuir uma das maiores taxas de irradiação solar do país. 

”Vale pontuar, também, que Itapaci possui grande potencial de expansão para o uso da energia solar fotovoltaica. Isso porque tem grande taxa de irradiação solar do país”, destaca Danúsia.

O prefeito Mário Salles não pode participar do evento pois está em viagem a Brasilia e foi representado pelo secretário de esportes Edmar Leandro. Também estiveram presente ao evento os vereadores Paulo Sérgio e Adedy Filho e toda a turma da SEMMAT, Roberta Cardoso, Marcos Pereira, Bruna, Cheila Pires e Leciene.

Atenção: Ao copiar material produzido pelo Itapaci Urgente, favor citar os créditos ao site. Bom jornalismo dá trabalho!

 

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.