Homem mata esposa e filha de 4 anos e comete suicídio

0
36

A médica Mariana Paranhos, 33 anos, e a filha, 4, foram mortas a facadas pelo marido da mulher e pai da criança, o empresário Thiago Aquino, 30, que cometeu suicídio após assassiná-las. O crime foi praticado na madrugada desse sábado (17), em Araguari, no interior de Minas Gerais.

Segundo informações do jonal carioca Extra, obtidas pela Polícia Militar, Mariana foi atingida por 12 facadas, enquanto a garota, duas. O suspeito desferiu quatro golpes contra o próprio peito, chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

O casal e a filha deles morava em Uberlândia, a 40 quilômetros de Araguari, cidade onde Mariana fazia plantão no dia em que foi morta. Em determinado momento, Thiago Aquino foi até o hospital por volta de 3h30 e pediu para uma enfermeira chamar a mulher, dizendo que a Valentina, filha deles, estava passando mal. Cerca de cinco minutos depois, a obstetra foi ao encontro do marido e a família deixou o local.

De acordo com o subtenente Adailton Ferreira de Carvalho, testemunhas disseram ter visto uma mulher correndo em direção ao centro da cidade com a mão na barriga, enquanto um motorista tentava atropelá-la. Policiais abordaram o veículo e a criança, ainda na cadeirinha, já estava “agonizando”.

A PM acionou o Corpo de Bombeiros, que o levou para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde ele morreu pouco depois. A mulher, porém, já estava morta.

A Polícia Civil vai investigar o caso para apurar a motivação do duplo homicídio. Os celulares do casal foram apreendidos.

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.