Cinco cidades goianas vão eleger prefeitos neste domingo (28)

0
11

Neste domingo (28), cinco cidades goianas vão eleger novos prefeitos. São elas: Davinópolis, Divinópolis, Planaltina de Goiás, Serranópolis e Turvelândia. Nestes municípios, ordem de votação é primeiro para presidente da República e depois para prefeito.

A votação nas chamadas eleições suplementares ocorrem após cassação de diplomas ou perdas de mandato dos prefeitos. Segundo o diretor geral do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), Wilson Gamboge Júnior, a expectativa é de que tudo ocorra bem no dia da votação. Até agora, não foram registradas denúncias de crimes eleitorais. “Todos municípios são muito pequenos, com exceção de Planaltina, que tem um histórico de eleição mais acirrado. Até agora, não tiveram problemas nem dificuldades”, diz Gamboge.

Em quatro cidades existem coligações ligadas ao Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), que após vinte anos deixa o poder do Estado de Goiás. O Democratas (DEM), partido do governador eleito, Ronaldo Caiado, participa de coligação em dois municípios. O Movimento Democrático Brasileiro (MDB) participa em três cidades. Em alguns municípios é possível notar a participação dos partidos opositores na mesma chapa.

Em Davinópolis disputam o cargo dois candidatos: Diogo Rosa Nunes com o vice Nelson, na coligação A mudança é Agora (MDB, PT, DEM, Solidariedade); e Wilker Ferreira da Silva, ao lado de Tita, na coligação Unidos por Davinópolis (PR, PPS, PSDB).

Em Divinópolis concorrem Charley Tolentino e Silvio Abreu pela coligação Renovação de Verdade em Divinópolis de Goiás (PRB, PTC e PSB). E Miltim, com o vice Zé Bom, na coligação Unidos Pela Vontade do Povo (PR e PSDB).

Planaltina, que fica no entorno do Distrito Federal, tem cinco candidatos. Pastor André, ao lado de Silveira Godoi, na coligação Renova Planaltina (PRB, PP, PSDB, DEM, Solidariedade, PC do B). Eles Reis e João Neto pela coligação Unidos por Planaltina (PTC, PT, PR, PMB, PDT). Francisco Helio e a vice Simone do partido Rede Sustentabilidade. João de Abides o lado de Maria Adaice, do Movimento Democrático Brasileiro (MDB). E Wilmar Popular e Zezinho do Planalto, da coligação Planaltina, Verdadeiro, Corajoso e Descente (PPS e PSL).

Turvelândia tem apenas dois candidatos: Joel Gaguinho, com o vice Fernando Jacaré, na coligação Igualdade para todos (MDB e PR); e Siron Queiroz, ao lado de Marlos Borges, na coligação A Mudança é Agora – a vez do povo (Solidariedade, PPS, PSDB).

Em Serranópolis, a disputa tem apenas um nome: Tarcio Dutra, com a vice Jane Áurea, na coligação Esperança Renovada (DEM e MDB).

Deixe seu comentário
SHARE
Goiano, 26 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente. Aqui a notícia é verdade.