Crixás comemora hoje 64 anos de emancipação política – PARABÉNS CRIXÁS

0
352

Crixás comemora nesta segunda-feira dia 30/10/2017 o seus 64 anos de emancipação política e de uma história realmente linda e de sucesso, onde é considerada uma dos municípios mais importantes do norte Goiano.

História da cidade

Crixás é um município brasileiro do estado de Goiás. Sua população estimada em 2010 era de 15.760 habitantes. Sua economia é baseada na agropecuária e na extração de minérios, dos quais se destaca o ouro, contém também, de acordo com prêmios a mina de ouro mais segura do mundo e é uma das principais cidades do país pela economia e porém com baixa qualidade de vida. Destaca-se pela má distribuição de renda em seus habitantes, onde uma parte menor, que trabalha na mineradora tem rendimentos em media superiores a R$ 2000,00, chegando a salários de ate R$ 30000,00 , enquanto 80% da população não chega a ter rendimentos médios superiores a R$ 675,00.

A fundação de Crixás está ligada às descobertas dos garimpos de ouro no Brasil no século XVIII, tendo como seu descobridor o Bandeirante Manoel Rodrigues Thomaz.

A colonização de Crixás, região compreendida entre os Rios Crixás-Açu e CrixásMirim, iniciou-se com a passagem da bandeira chefiada por Bartolomeu Bueno, filho do Anhanguera, em 1726, quando ali se descobriram ricas minas de ouro. A região era habitada pelos índios “Kirirás” ou ‘kuruchás”, cuja tradução do tupi: CRIXÁS – deu origem à denominação dos dois grandes rios e da povoação nascente. A fundação do povoado é atribuída ao bandeirante Manoel Rodrigues Tomás, companheiro de Bartolomeu, no período de 1726 a 1734, com a denominação de Nossa Senhora da Conceição, mais tarde Crixás. Segundo outra corrente histórica, foi o sertanista Domingos Pires o fundador da povoação de CRIXÁS, em 1734, elevada a “arraial” em 1740. Em janeiro de 1755, o arraial de Crixás foi elevado a paróquia, condição em que permaneceu por quase dois séculos, tornando-se sede da vila transferida de Pilar, a cujo distrito pertencia. Pelo Decreto-Lei Estadual nº 557, de 30 de março de 1938, o Distrito de Crixás perdeu para o de Pilar as prerrogativas de sede municipal. Pela Lei Estadual nº 850, de 30 de outubro de 1953, criou-se o Município de Crixás, instalado oficialmente em 1 de janeiro de 1954. No auge da exploração aurífera, integrou-se na história de Crixás o geólogo Albrecht Pedro Dietz, “o Alemão”, descobridor das famosas minas de ouro “chapéu de Sol”, e “Venâncio”, em terras posteriormente adquiridas por uma Companhia Inglesa, cuja exploração durou até 1923, quando os ingleses evadiram-se com todo o ouro fundido, em virtude de revolta no garimpo. O Primeiro Prefeito de Crixás foi João Ferreira de Faria, filho do Coronel Prudêncio Ferreira, nomeado por Pedro Ludovico Teixeira, que detinha grande influência no Estado de Goiás. O Primeiro Prefeito eleito foi André Ferreira de Carvalho. Crixás destaca-se, como um dos maiores produtores de ouro do País. O rebanho bovino também tem destaque nacional.

Para iniciar os seus 64 anos de muito sucesso, logo mais a noite tem grande show com o cantor sertanejo Felipe Araujo encerrando a festa do pequi.

A equipe do ITAPACI URGENTE, por meio desta oportunidade, vem parabenizar a bela cidade de Crixás e a todo povo Crixaense por esta data importante.

 

Deixe seu comentário
SHARE

Goiano, 25 anos, Casado, Pai, Redator e Proprietário do Jornal Itapaci Urgente e futuro Jornalista. Aqui a notícia é verdade.